FILME A CONDENAÇÃO

Este filme conta a história real de um homem que foi preso, julgado e condenado injustamente por assassinato nos Estados Unidos.  Aborda um grave erro judiciário e uma fraude policial.

A história ocorreu nos anos de 1980 em Massachusetts. Uma mulher foi assassinada de forma fria, dolorosa e cruel.

A partir daí começam as investigações e uma policial de nome Nancy Taylor, desenvolve uma forte perseguição por Kenny e o prende acusando-o pelo crime, mesmo sem provas de sua autoria.

No início do filme são mostradas cenas da infância de Kenny e Betty Anne, os dois irmãos que desde de pequenos possuíam um forte laço de amor e cumplicidade.

Após a prisão e julgamento de Kenny, Betty Anne, se vê inconformada com tamanha injustiça. Ela não consegue aceitar que o irmão possa ter sido condenado a prisão perpétua por um crime pelo qual, ela tinha a mais absoluta certeza, de que ele não havia cometido.

Betty Anne, era casada e mãe de dois filhos. Trabalhava como garçonete e vivia bem com o marido, porém, por estar sofrendo muito com o abuso e injustiça que fizeram ao seu irmão, decide dedicar a sua vida em procurar um caminho em que pudesse ajudar kenny a provar a sua inocência. Ela decide então, voltar a estudar. Primeiro ela teria que terminar o ensino médio, para só depois entrar na faculdade de Direito. O marido não concorda, mas Betty prossegue firme em sua decisão. Sendo assim, o esposo decide abandoná-la. A vida dela se torna dedicada a encontrar um meio para provar a inocência de Kenny.  Ela não tem muito tempo para acompanhar o crescimento dos filhos e com isso, os filhos decidem também abandoná-la.

Betty entra na faculdade de Direito, e prossegue com sua força e  dedicação para encontrar uma saída, mesmo que as chances e circunstâncias parecessem impossíveis. Ela não desiste, e enfrenta um caminho de luta, negação e corrupções que envolvem testemunhas e policiais.

A dor de uma irmã, abre espaço para um amor fraternal, lindo e forte! Capaz de abrir mão da própria vida, tendo fé e esperança em provar a inocência do seu irmão.

A mensagem principal que pude retirar desse filme foi a força, determinação, fé, esperança, coragem, persistência e garra de Betty Anne. E principalmente a sabedoria para transmutar uma situação de dor, injustiça, sofrimento e crueldade que a vida apresentou a ela e ao irmão, em algo positivo para beneficiar outras pessoas que por ventura passaram pela mesma situação.

Filme “A Condenação” – Resenha feita por Herica Rodrigues

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *