Abraham Lincoln – uma história de superação

Abraham Lincoln – uma história de superação. Hoje resolvi trazer  uma parte dessa  emocionante biografia. Caso você esteja se sentindo meio desanimado (a), sem motivação, ou sem ânimo para continuar na persistência para realizar seus objetivos, preste bastante atenção nesse artigo abaixo:

Abraham Lincoln, um dos maiores nomes da história. Foi presidente dos Estados Unidos e fez a diferença no mundo. Dotado de grande senso de humanidade, lutou pela democracia e pela emancipação dos escravos. Apesar de ter sido um dos mais fascinantes presidentes dos Estados Unidos da América e, de te lutado pela igualdade de direitos, colecionou perdas e fracassos de se admirar!

As inúmeras derrotas de Lincoln, caso ele não tivesse quase uma obsessiva força para vencer e realizar o seu desejo, teria feito com que ele desistisse dos seus objetivos muito antes de alcançar a grandiosa vitória. Ele enfrentou todas as dificuldades e transformou os obstáculos em oportunidades. Claro que também teve realizações e conquistas ao longo de sua história, mas sem sobras de dúvidas, a lista de fracassos é grande o suficiente para levar qualquer um que não tivesse fé  e  também plena força interior, á desistir.

A infância de Abraham Lincoln

Lincoln foi um garoto de família pobre, filho de camponeses e analfabetos. Teve que trabalhar desde de cedo para ajudar no sustento da família. O dinheiro de um filho, naquele tempo, desde da infância até os 21 anos de idade deveria ser entregue ao pai. Ele não gostava disso, achava que era uma espécie de escravidão. Perdeu sua mãe ainda pequeno, aos 9 anos de idade.

Abraham não teve condições de frequentar assidualmente a escola, porém, ele lia muitos livros que conseguia emprestado. Ele foi considerado um autodidata.

A vida adulta de Abraham Lincoln

Já na sua vida adulta, exerceu vários tipos de trabalhos, de lenhador a comerciante.

Ele chegou a se candidatar em uma faculdade de Direito, porém o rejeitaram. Sendo assim, não desistiu e passou a estudar por conta própria e, mais tarde se tornou advogado.

Em 1832 foi derrotado na legislatura para o Congresso e também perdeu o emprego. Em 1833 ele montou um negócio com dinheiro emprestado, porém o negócio falhou e ele ficou apenas com as dívidas.

Em 1834 entrou para a política, e elegeu-se deputado da assembleia de Illinois.  Em 1835 perdeu a noiva, que veio a falecer.

 Posteriormente, em 1836 ele sofreu um colapso nervoso que o deixou impossibilitado por 6 meses.

Em 1838 concorreu a presidente da câmara e foi derrotado.

Em 1840 tentou uma vaga no colégio eleitoral e não conseguiu se eleger.

Em 1843 foi derrotado novamente em sua concorrência para o congresso.

A fé é o único antídoto conhecido para o fracasso.

Napoleon Hill

Então em 1846  Abraham Lincoln concorreu novamente ao congresso e conseguiu se eleger, porém, enfrentou sérias dificuldades, tendo em vista que apresentou um projeto para abolição da escravatura. Isso causou grande rejeição popular.  Nesse projeto ele propunha a emancipação de forma gradativa para os escravos, de forma que esses tornariam livres, porém, não poderiam votar e nem tinham direitos a casamentos inter-raciais. Dessa maneira desagradou tanto aqueles que eram abolicionistas, quanto aos defensores da escravidão.

Lincoln sempre lutou em favor das pessoas pobres.

Quando pratico o bem, sinto-me bem; quando pratico o mal, sinto-me mal. Eis a minha religião.

Abraham Lincoln

As derrotas continuavam, mas Lincoln não desistia

Em 1848 ele teve a sua renomeação perdida.

Em 1849 foi rejeitado para Oficial de Terras.

Em 1854 ele tentou se tornar senador e novamente foi derrotado.

Em 1956 não conseguiu a nomeação para vice-presidente.

Em 1858 foi novamente derrotado Pelo Senado.

E apenas em 1960, Abraham Lincoln conseguiu a realização de seu desejo. Ele tornou-se presidente dos Estados Unidos da América.

O campo da derrota não está povoado de fracassos, mas de homens que tombaram antes de vencer.

Abraham Lincoln

Além dessa biografia de Abraham Lincoln – uma história de superação, talvez você possa gostar de outro artigo aqui no blog! Acesse: https://pausaparaaquecerocoracao.com/2019/09/21/a-forca-do-verdadeiro-querer-e-do-desejar/

Acesse outras páginas no blog:

https://pausaparaaquecerocoracao.com

Escrito por Hérica Rodrigues

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *