SAIA DA CONDIÇÃO DE VÍTIMA

Você constantemente procura culpar aos outros por tudo de errado que te acontece? Sente-se injustiçado frequentemente?

Se você deseja obter uma vida abundante e crescer continuamente, pare já com todo e qualquer sentimento de vítima que pode estar rondando você.

O vitimista tem a mais pura convicção de que os outros são os maiores responsáveis por tudo o que acontece com ele. Culpa as pessoas, até mesmo pela forma como se sente. Guarda mágoas e normalmente vive em um círculo vicioso criado pelo o próprio padrão mental distorcido. É normal que as mesmas situações se repitam constantemente na vida dele, visto que dificilmente se reconhece como o responsável pela própria vida. Na visão dele, ele está sempre certo e a vida está sempre em débito. Mas o que poderia está por trás desse sentimento de vítima?

Bem, as pessoas que se vitimizam, estão de forma consciente ou não, se colocando em uma posição de vantagem. É como se a vida, as pessoas, Deus, o destino, o Universo, enfim, estivessem sempre em débito para com a vítima. Dessa forma, não haveria nada mais o que fazer. Poderia continuar na situação cômoda, na procrastinação e até mesmo na irresponsabilidade. É mais fácil ficar nessa posição, pois dessa maneira, não há a necessidade de agir, de resolver, de mudar e de crescer.

Muitas vezes, a vítima reclama infinitamente, porém não há um real desejo de mudança. Não há uma abertura para ver a situação por outro ângulo, por outro lado e por outro ponto de vista. Geralmente não quer ouvir e nem enxergar algo diferente do seu modelo mental, já distorcido. Só que o problema reside, no fato de que o vitimista, não consegue ver que ele é o maior perdedor da história. A vida dele fica estagnada, o crescimento para, pois não há ação.

Se você quer se tornar uma pessoa mais autoconfiante e empoderada, pare com esse sentimento! Procure assumir as responsabilidades pelas coisas que lhe acontecem na vida! Nós não controlamos tudo o que nos acontece. Mas podemos escolher como reagiremos diante das situações. O percurso da nossa vida é direcionado de acordo com a maneira que reagimos aos acontecimentos. As situações poderão piorar ou melhorar. E tudo dependerá da forma que nos posicionamos. Devemos adotar uma postura adulta e madura o suficiente para nos responsabilizarmos! Veja bem, não é se culpar. A culpa só destrói. Ao passo que a responsabilidade constrói.

Quando você parar de culpar aos outros, a Deus, as situações e começar a assumir as responsabilidades, você verá que se tornará mais forte, grande e centrado. E, portanto, com uma paz e leveza de alma para viver! Você entenderá que independente do que te aconteça, você tem a força e o poder para mudar, ressignificar e direcionar o percurso da sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Powered by